Até 30 de setembro estamos no período crítico de incêndios florestais

De acordo com o Decreto-Lei 124/2006, de 28 de junho, na sua atual redação, está a decorrer o período crítico de incêndios florestais do Sistema de Defesa da Floresta Contra Incêndios.

Até 30 de setembro, saiba que:

  • É proibido fazer queimadas.

  • É proibido fazer queimas de matos e sobrantes florestais amontoados.

  • É proibida a utilização de fogareiros e grelhadores em todo o espaço rural, exceto fora das zonas críticas, nos locais autorizados.

  • É proibido o lançamento de balões com mecha acesa ou foguetes. O uso de fogo-de-artifício só é permitido com autorização da Câmara Municipal.

  • É proibida a fumigação ou desinfestação em apiários, exceto se os fumigadores estiverem equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.

  • É proibido fumar ou fazer qualquer tipo de lume nos espaços florestais.

  • É obrigatório usar dispositivos de retenção de faíscas e tapa-chamas nos tubos de escape e chaminés das máquinas de combustão interna e externa e nos veículos de transporte pesados e 1 ou 2 extintores de 6kg, consoante o peso máximo seja inferior ou superior a 10 toneladas.

 

Proteja a sua casa: 

  • Mantenha 50 metros à volta da casa sem matos.

  • Não guarde botijas de gás nos arrumos.

  • Tenha atenção à quantidade de lenha nos arrumos e a proximidade à sua habitação.

  • Limpe o telhado de folhas, ramos, pinhas ou carumas.

  • Mantenha o caminho de acesso a casa limpo e desimpedido.

 

Proteja as suas propriedades:

  • Mantenha as máquinas e os equipamentos limpos de óleos e poeiras.

  • Abasteça as máquinas a frio em local com pouca vegetação.

  • Tenha cuidado com as faíscas quando trabalha com máquinas.

 

A prevenção começa em cada um de nós.

Portugal sem fogos depende de todos.

 

Neste verão esteja vigilante e atento.

Em caso de incêndio ligue 112 (chamada gratuita).

 

 

Consulte o risco diário de incêndio no nosso concelho:

Saber...